Contador de visitas

contador grátis

domingo, janeiro 22, 2012

PORQUE NADA EM MINHA VIDA DA CERTO?

Esta é uma pergunta com a qual, nos deparamos em nosso dia a dia. Pessoas que fazem todas as oferendas possíveis aos Orixás tomam banhos, defumações, encantamentos os mais diversos, e nada resolve seus problemas.

Acontece que: todos nós temos nosso Orixá, isso é sabido por todos. Porém, muitas pessoas se esquecem de que independente do Orixá que temos em nossas cabeças temos ainda o Orixá de nossa família, ou seja: o Orixá familiar, temos a influencia do Orixá que reinou no dia que nascemos, e ainda a fase da lua em que ocorreu nosso nascimento. E quando falo isso, não falo do nosso nascimento para o Santo, mas sim, do nosso nascimento do útero materno.

Existem muitas e muitas coisas, pequenas, que atrapalham nosso dia a dia e nossa vida. Carregamos toda uma carga nossa e ainda a de nossos antepassados. Se uma pessoa nasce, por exemplo, em uma determinada, e nada dá resultado na vida dela, temos que analisar o Orixá que regia no dia de seu nascimento, a fase da lua, o Orixá de sua família, seus Odús, o Odú de sua mãe e/ou pai além de uma infinita lista de análises que podemos fazer para que essa pessoa tenha condições de subir na vida.

Para isso é feito um mapeamento espiritual, e nem todos os sacerdotes sabem fazer, pois são fundamentos de pessoas muito, mas muito antigas no Santo e que já desencarnaram e apenas uns poucos felizardos tiveram a oportunidade de aprender.

Para que possamos ter uma ideia da complexidade das coisas, temos a influência até mesmo da quantidade de letras que carregamos em nosso nome. Tudo isso conjugado com nossos Odús, tanto pessoais, como de nossa família, resulta em grandes caminhos positivos ou negativos.

A solução disso tudo está na análise desses dados, devidamente acompanhados por Ifá para que ele possa nos dar condições de fazer com que essa pessoa caminhe.

Nem sempre as obrigações são caras, pois podem se resumir em alguns presentes, mas em alguns casos são obrigações complexas e que dependem de investimento. Vai daí a honestidade de cada zelador para que não jogue obrigações desnecessárias na pessoa, até mesmo porque, estará lidando com os antepassados dessa pessoa e isso pode resultar em cobranças seríssimas.

Orixá é paz, amor e prosperidade, mas, nós como seres humanos carregamos a imperfeição como parte de nossa constituição e assem sendo, muitas das vezes tudo isso que é o Orixá, não pode nos dar caminhos, pois necessitam de equilíbrio.

Com certeza após esse mapeamento, que dura vários e vários dias, de trabalhos intensos, poderemos dar à pessoa sugestões de como ela reverter às coisas em sua vida. E, além das obrigações que fazemos, existem ainda uma gama de pequenas oferendas e outras coisas que a própria pessoa faz para que mantenha sempre essa positividade que atraímos após seu mapeamento espiritual.

Sérgio Silveira, Tatetú N’Inkisi: Odé Mutaloiá.


odemutaloia@hotmail.com

http://abassalambanranguange.webnode.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário